(34) 3313.8569    |   (11) 4512.3446   |   (34) 3312.3643

DOENÇAS DO TRABALHO

Quando se fala em prevenir acidentes de trabalho, é comum pensarmos em ocorrências pontuais e específicas, que resultam em danos físicos, como quedas, choques e explosões, por exemplo. No entanto, o objetivo da segurança do trabalho vai além da prevenção deste tipo de situações. Outro risco enfrentado pelos trabalhadores são as chamadas doenças ocupacionais, que são originadas durante as suas jornadas diárias de trabalho.
Algumas são silenciosas e apenas se manifestam após um longo período de tempo (por vezes, 10 a 15 anos depois da exposição aos fatores que originam a doença). Por esse e outros motivos, é importante ressaltar a necessidade de se respeitar as Normas Regulamentadoras, particularmente o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).
Algumas doenças que podem ser desenvolvidas durante o trabalho são: a LER (Lesão por Esforços Repetitivos), antracose (doença pulmonar causada pela inalação de agentes comuns na fumaça de carvão, que pode desencadear problemas de saúde mais graves), bissinose (doença causada pela poeira das fibras de algodão), surdez (temporária ou definitiva), dermatose ocupacional (causada pela exposição a agentes alérgenos), câncer de pele, siderose (causada pela inalação de pequenas partículas de ferro, comum em ambientes como minas), catarata, e outros distúrbios físicos e psicológicos.
Fonte: http://www.protecao.com.br/noticias/doencas_ocupacionais/10_principais_problemas_de_saude_desenvolvidos_no_trabalho/AAyAAJji/6057

- Grupo MEPI