(34) 3313.8569    |   (11) 4512.3446   |   (34) 3312.3643

A HISTÓRIA DOS ACIDENTES DE TRABALHO NO BRASIL

No decorrer dos anos, a quantidade de acidentes de trabalho que acontecem no Brasil vem denunciando a situação alarmante vivida pelos trabalhadores no nosso país. Com isso, cada vez mais atenção tem sido voltada para essa questão, o que tem ajudado a aumentar os investimentos em segurança. Porém, o Brasil ainda é considerado um dos países com maior índice de acidentes, especialmente nos setores de construção civil e transportes.
As estatísticas mais antigas relacionadas à segurança do trabalho no nosso país datam de 1969. Nesse ano, pelo menos 14,47% de uma amostra de 7.268.449 trabalhadores sofreram algum tipo de acidente, somando um total de 1.059.296 ocorrências – uma quantidade preocupante, especialmente ao se levar em consideração o tamanho relativamente pequeno da amostra.
O mesmo índice ainda chegou a números maiores, alcançando o seu máximo em 1972, com 18.10%. O quadro alarmante levou ao surgimento de ações e medidas das empresas e governo com o objetivo de reverter a situação. Assim, a partir de 1975, os índices caíram para níveis mais seguros, chegando a 3.84% em 1984.
Mesmo com estes avanços na segurança do trabalho, ainda é necessário evoluir para aumentar a qualidade de vida e a integridade física dos funcionários de diversos segmentos de atuação, espalhados por todo o país. A tendência nacional é investir cada vez mais na medicina e segurança do trabalho. Uma pesquisa do Serviço Social da Indústria revelou que as empresas começam a perceber o retorno positivo dos investimentos nessas áreas, e que o grau de interesse relativo a esses temas deve aumentar nos próximos anos.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Seguran%C3%A7a_do_trabalho

Grupo MEPI